• Barbara de Lima Leal

CDH em crise: uberização do trabalho rebela motoristas pelo mundo

A luta pelos direitos dos trabalhadores da empresa Uber conta com repressão policial e violência


Bárbara e Rafaela – CDH - 2ª sessão


Neste segundo dia de debate (02) no comitê dos Direitos Humanos, foi pautado como tema da crise a manifestação realizada por motoristas da empresa Uber, os quais estavam lutando por seus direitos trabalhistas. Tal movimento também contou com a participação dos caminhoneiros, que decidiram realizar uma greve mediante ao problema apresentado.

Diante da situação colocada, a delegação de Cuba se posicionou propondo três itens para resolução do problema apresentado, sendo eles: salário fixo; férias remuneradas e taxa de corridas conforme os valores dos combustíveis. Além disso, a ilha caribenha contou também com o apoio do Brasil quanto ao barateamento do combustível. Segundo tais delegações, a proposta teria grande efeito, visto que, visando uma viagem sem preocupações com gastos, os motoristas exerceriam seu trabalho da melhor forma possível.


Dessa forma, os Estados Unidos se pronunciaram afirmando que a discussão tratava-se de uma questão humana e não econômica, ou seja, o barateamento do combustível não estava em jogo, e sim, a luta pelos direitos trabalhistas. Por isso, como maneira de contribuir para resolução do problema, a delegação oferece $ 800 000 000 para que sejam investidos nessa causa, porém, não informa como será realizado.


Contudo, mesmo com os debates executados a problemática não foi solucionada, e assim, a questão relacionada à uberização do trabalho continua em aberto. Diante dessa situação, as delegações da Venezuela e Estados Unidos se pronunciaram a favor do barateamento do valor da gasolina.


Foto por: Maria Carolina Sangirardi Lima


40 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Durante o debate moderado: Israel: “As senhora gostariam de gravar em outro lugar?” Jornalistas: “não obrigada” Diretor Ig: “A mesa endossa então o início da redação da Proposta de ResoluCIÓN” Diretor

"O México dividia, divide e continuara dividindo a América Central" - México. "O senhor dispõe de...Peraí q a mesa é de humanas" - Mesa. "FUDEU, encerro meu discurso" - França. "A angola dispõe de um

Delegado da Coreia do Norte finalizando discurso: "e é sobre isso!" Índia ao iniciar discurso: "Minha delegacia declara:" Cuba afirma: "Não falarei mais sobre sanções econômicas, falarei agora sobre e